PlayStation 5 – Review

A nova geração da PlayStation já está entre nós. Muita coisa foi revelada no evento de divulgação que a Sony fez no último dia 11 de junho. 

O console em si, traz um design um tanto quanto futurista. Mesmo com um design diferenciado e arrojado, quando ele nos foi apresentado, teve uma divisão de opinião em relação ao fato de ser ou não bonito.

Diferente de sua versão anterior, o PlayStation 5 aparenta que será de fato uma versão feita para ficar na vertical, igual à um PC. Também lembrando a aparência do concorrente direto, Xbox Séries X. 

Além do controle ser bem bonito e toda a família PlayStation 5 ser bem interessante, a Sony trouxe para o mercado duas versões do mesmo console. versão convencional com entrada para disco físico e a versão digital que tudo indica ser  mais barata no mercado. 

O Evento 

O evento começou com o anúncio de GTA V também para o novo console. E de graça para o mês de janeiro aos assinantes da PSN Plus. Sim você não está vendo coisas, vai ter ainda GTA V pelo menos no início dessa nova geração. 

Além de GTA, muitos jogos foram apresentados inclusive uma DLC de Spider Man com Miles Morales. Aqui você consegue conferir a matéria da semana passada sobre o porquê jogar Spider Man no PS4. A extensão do jogo chega ainda em 2020, e isso foi uma surpresa para todos nós. 

Reprodução: Internet

Outros grandes nomes foram anunciados de volta ao mundo dos “sonystas” como o clássico Retchet & Clark, NBA 2k21 e a confirmação de Gran Turismo 7. Porém o que me chamou bastante foram outros games. 

Os exclusivos vieram com tudo nessa apresentação, Returnal e Horizon Forbidden West. São dois games com protagonistas femininas que estão extremamente bonitos e que me parecem com ótimas histórias. 

Nós já conhecemos a trajetória da guerreira Alloy, apresentada no primeiro jogo Horizon Zero Dawn. Dessa vez o mundo apresentado para nós no trailer me parece muito mais amplo. 

Returnal por outro lado, é um jogo que impressiona pelo trailer apresentado. Apesar de lembrar um pouco outros jogos que se passam no espaço, o visual apresentado e a ideia de história conseguiu atenção e me conquistou. Veja abaixo: 

A Square Enix não ficou de fora do evento. Fomos apresentados ao Project Athia, o novo novo jogo da produtora. O game traz uma mulher lutando contra criaturas fantásticas em uma aventura desenvolvida junto com o novo estúdio Luminous Productions e está incrivelmente bonito.

Resident Evil Village finalmente foi mostrado para nós. Todos os rumores eram de fato verdadeiros a respeito dele. O jogo vai ter sim lobisomem na nova versão, além das características típicas do clássico da Capcom que você já está cansado de saber/ver. 

Por fim, o game que talvez mais tenha me chamado atenção no evento foi Kena Bridge of Spirits. Se você já viu o trailer e percebeu uma leve semelhança ao jeito de Zelda, você está coberto de razão. O jogo parece sim com o clássico da Nintendo e pasmem, os criadores de Kena já fizeram um curta sobre Zelda Majora’s Mask

O game mostra uma menina que luta para defender a floresta em que vive de espíritos malignos. estará disponível para PS4, PS5 e PC, confira o trailer abaixo: 

Apesar da vida ser um grande episódio de Black Mirror ela as vezes tem seus momentos de Sta Wars e fica tudo lindo!
Post criado 91

2 comentários em “PlayStation 5 – Review

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo