Continuar NÃO é preciso

Nem mesmo o lendário Rambo escapou de cair em um filme ruim.

Histórias nem sempre precisam ser continuadas, o fim sempre deve ser o conformismo de muitos espectadores. Um livro bem escrito não precisa de uma outra parte, uma poesia não precisa de explicação. Nem sempre é preciso continuar, o ponto final não precisa se transformar em vírgula. Deleitem-se com o que está na tela, jovens.

Hoje, a indústria de blockbusters ama uma continuação. Confesso que também gosto de continuações, mas existem alguns filmes e séries que não precisam de um novo capítulo. Coringa, por exemplo, é uma história com começo, meio e fim que você aprecia e sai feliz com o que viu. O trabalho do diretor Todd Phillips não merece uma continuação, ao meu ver estragaria a obra que ele mesmo criou. É preciso que as pessoas entendam que continuar nem sempre faz uma obra ser boa.

Não é porque fez sucesso que merece um bis.

Um exemplo de continuação ruim, dentre vários que existem, é a franquia Rambo. John Rambo voltou da guerra, salvou o coronal Trautman, enfrentou aliados que na verdade eram inimigos, fim. Não era preciso ter o IV e o mais recente “Até o Fim”. Roubando a frase da chef Paola Carosella: é horrível, horroroso, um espanto, me faz mal. No mundo das séries, temos Punho de Ferro, a segunda e terceira temporada de Jessica Jones, 13 Reasons Why. Se uma temporada faz sucesso, prenda-se a ele e não a ambição por mais, a menos que o roteiro seja bom o bastante.

A ambição de empresas tem dominado esse vasto campo de continuações. A pressa para se obter algo destrói a vontade de se trazer uma coisa boa. Cito, para bons entendedores, as últimas temporadas de Lost. Sem piadas, os produtores estavam perdidos, talvez J.J Abrams precisa somente de iniciar histórias e deixar outros finalizarem.

Hoje devemos entender que não precisamos de tantas continuações. Focar em uma história simples, direta e cristalina é o mesmo que saciar a fome de quem está em inanição. Nem sempre é preciso continuar.

Uma mistura de Capitão América com Doutor Estranho, das casas Stark e Targaryen, aliado dos anões da Terra Média, treino pokémons insetos e nas horas vagas um lolzeiro noob.
Post criado 43

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo